Site oficial do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto

Direto ao Assunto

Direto ao Assunto no YouTube: Bolsonaro precisa assumir já

Direto ao Assunto no YouTube: Bolsonaro precisa assumir já

Há quatro meses e meio, Bolsonaro é presidente de todos os brasileiros, eleito, diplomado e empossado legitimamente como tal e tem todas as prerrogativas e deveres do cargo. Não pode, pois, continuar agindo como se ainda estivesse no palanque falando para seus prosélitos e criticando seus adversários. Ao definir os manifestantes dos protestos contra cortes na educação como “idiotas úteis”, “massa de manobra” e “militantes”,  entrou numa briga de boteco sujo, quando deveria cumprir sua missão de tirar o Brasil da tremenda crise em que foi afundado por PT, cúmplices e falsos adversários deste bando de meliantes que já estão fora do poder. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver o vídeo no YouTube clique no play abaixo:

Para ver no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Temer em casa, mas não livre

Temer em casa, mas não livre

Por 4 a 0, a 6.ª Turma do STJ mandou soltar o ex-presidente Michel Temer, mas não o inocentou em nenhum dos 6 processos criminais que responde e ainda o impediu de praticar várias atividades a que qualquer homem livre está habilitado. Comentário no Jornal da Gazeta da quarta-feira 15 de maio de 2019.

Para ver clique no play abaixo:

Para ver no Blog od Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Comentário no Jornal Eldorado: O ‘Posto Ipiranga’ e o fundo do poço

Comentário no Jornal Eldorado: O ‘Posto Ipiranga’ e o fundo do poço

O ministro da Economia, Paulo Guedes, cumpriu o primeiro capítulo de sua função de “Posto Ipiranga” de Jair Bolsonaro ao usar de toda a franqueza, em vez de vender falsas e generosas ilusões, no pronunciamento que fez em audiência na Comissão Mista de Orçamento do Congresso Nacional. Sem papas na língua nem enrolação de aprendiz de feiticeiro, ele disse que “estamos no fundo do poço”. Virou ainda a segunda página quando apontou a aprovação da reforma da Previdência como primeiro passo para sair desta situação. Falta agora o governo sair-se bem na aprovação do novo teto de gastos para evitar tsunamis fiscais ainda neste primeiro semestre. E apontar os rumos da retomada do crescimento após a aprovação, ou não, desta providência.

Para ouvir clique no play abaixo:

Ou clique aqui e, em seguida, no play:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Assuntos para comentário da quarta 15 de maio de 2019

1 – Haisem – A manchete do Estadão hoje – “A realidade é que estamos no fundo do poço”, diz Guedes – é acachapante. Como acordar nesta quarta-feira diante de um barulho destes

SONORA_GUEDES 1505

2 – Carolina – O que mais lhe chamou a atenção nos votos dados pelos quatro membros da sexta turma do Superior Tribunal de Justiça que soltaram ontem por unanimidade o ex-presidente Michel Temer

SONORA_CORDEIRO 1505

3 – Haisem – O que lhe chama tanto a atenção no julgamento marcado para hoje no Tribunal Regional Federal da 2.ª Região, o mesmo que mandou soltar e, depois, prender de novo Temer

4 – Carolina – O que levou o ex-presidente do Supremo Tribunal Federal Ricardo Lewandowski a conceder habeas corpus ao bicheiro José Caruzzo Scafura, o folclórico Piruinha: teria sido a fama do condenado ou ele teria outra razão

5 – Haisem – Enquanto aconteciam todas esses vaivéns jurídicos no País,  que relevante compromisso em Nova York, durante sua cruzada pela recuperação da reputação da instituição, tinha o presidente do STF, Dias Toffoli

6 – Carolina – Qual foi o feriado nacional que liberou o presidente da Câmara de comparecer ao trabalho, atrasando a pauta de votação da reforma da Previdência, que ele defendeu com tanto ardor em Nova York

7 – Haisem – Mas será que o presidente do Senado, Davi Alcolumbre, teve nos Estados Unidos ocasião de levar à prática a pregação que fez no almoço do Banco da América da inversão dos 70% dos recursos do Estado e 30% da Nação

8 – Carolina – Por que o título de seu artigo na página 2, de Opinião, do Estadão de hoje é Suspeitos do Centrão é que mandam no Brasil, hein?

Comentário no Estadão Notícias: Um desastre para o governo

Comentário no Estadão Notícias: Um desastre para o governo

Numa articulação relâmpago ontem, a esquerda e o Centrão acertaram a convocação do ministro da Educação, Abraham Weintraub, para dar explicações na Câmara sobre os cortes nas verbas para as Universidades. Em mais uma evidente demonstração de absoluta fragilidade do governo, desta vez não deu nem para adotar aquela desculpa absurda de que a parada teria sido ganha com o PSL votando junto. O partido de Bolsonaro levou uma surra assustadora, pois o requerimento foi aprovado por 307 deputados, um a menos do número necessário para aprovar uma reforma constitucional, caso da Previdência. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da quarta-feira 15 de maio de 2019.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no player.

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

 

Direto ao Assunto no YouTube: Culpado, Temer é solto pelo STJ

Direto ao Assunto no YouTube: Culpado, Temer é solto pelo STJ

Na votação que soltou Temer por 4 a 0, o presidente da 6.ª Turma do STJ, Nefi Cordeiro, defendeu decisão afirmando: “Juiz não enfrenta crimes, não é agente de segurança pública, não é controlador da moralidade social ou dos destinos da nação. Deve conduzir o processo pela lei e a Constituição, com imparcialidade e somente ao final do processo, sopesando as provas, reconhecer a culpa ou declarar a absolvição. Juiz não é símbolo de combate à criminalidade.” Ou seja, o STJ não se considera um órgão cujos membros não cuidam de fazer justiça, só decidem se devem cair na lábia jurídica de promotores que acusam e de advogados que defendem. Este, meus mais de 204.150 inscritos, é o Brasil. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique no play abaixo:

Para ver no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Comentário no Jornal Eldorado: Aviso aos inimigos

Comentário no Jornal Eldorado: Aviso aos inimigos

Depois de refletir 24 horas sobre o que teria levado o presidente Jair Bolsonaro a anunciar domingo, em entrevista à Rádio Bandeirantes, que indicará o ministro da Justiça, Sérgio Moro, para a primeira vaga que abrir no STF (a mais provável será a de Celso de Mello, em novembro de 2020), concluí que o anúncio precoce tem, na verdade, dois motivos. O primeiro deles é afagar seu auxiliar, que tem sofrido repetidas derrotas, antes inesperadas, na Câmara e evitar que, aborrecido, este possa vir a deixar o posto. A outra, não menos verossímil, é dar um recado, um alerta, aos inimigos de ambos e do povo brasileiro de que o derrotado de hoje pode se tornar julgador decisivo com conhecimento de causa e sem favores a pagar a políticos em alguma votação de processos protegidos por foro privilegiado no Supremo.

Para ouvir clique no play abaixo:

Ou clique aqui e, em seguida, no play.

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Assuntos para comentário da terça-feira 14 de maio de 2019

1 – Haisem – Em que as lições do dr. Ruy Mesquita nas reuniões de editorialistas do Estadão o ajudaram a entender melhor o mistério do anúncio antecipado em um ano e meio de Moro para o STF por Bolsonaro

SONORA MORO 1405 A

2 – Carolina – Que razões os membros da Unajuf têm para considerar inconstitucional a intervenção, que você disse ontem que era no mínimo abusiva, da Câmara dos Deputados na reforma administrativa feita por Bolsonaro em seu primeiro dia de governo

SONORA_PRESIDENTE COAF

3 – Haisem – Quais são as chances que os contribuintes brasileiros terão, a seu ver, de terem corrigidas suas declarações de Imposto de Renda, cogitada pelo presidente Bolsonaro e negada por “falta de dinheiro” pelos técnicos da equipe de Paulo Guedes

4 – Carolina – Você acha que foi uma coincidência infeliz, mas tem alguma razão para acreditar que um passarinho contou ao senador Flávio Bolsonaro que a Justiça aceitaria o pedido de quebra de seu sigilo bancário e fiscal dele próprio e de seu ex-assessor Fabrício de Queiroz ao dar a entrevista exclusiva a Renata Agostini do Estadão

5 – Haisem – O que você destacaria da nota oficial distribuída ontem pelo Ministério Público Estadual do Rio de Janeiro para “repudiar com veemência” as declarações feitas pelo filho mais velho de Bolsonaro à repórter Renata Agostini do Estadõ

6 – Carolina – Que novidades traz a delação premiada de Henrique Costantino, da família controladora da companhia de aviação Gol contando em detalhe como pagou propinas ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia.

7 – Haisem – O que você acha que motiva a concessão de privilégios especiais na privação de liberdade dos ex-presidentes da República Luiz Inácio Lula da Silva e Michel Temer

8 – Carolina – A que hipóteses você atribui o fato de, mesmo sendo acusado do estupro de centenas de mulheres, o garimpeiro e curandeiro goiano João Teixeira continua num hospital e não na prisão

Página 15 de 637«...510...1314151617...2025303540...»
Criação de sites em recife Q.I Genial