Site oficial do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto

Direto ao Assunto

Comentário no Jornal da Gazeta: Bolsonaro terá que mostrar exames

Comentário no Jornal da Gazeta: Bolsonaro terá que mostrar exames

Mesa Diretora da Câmara deu prazo de 30 dias para o presidente Jair Bolsonaro apresentar o resultado dos seus testes para covid-19 colhidos no Hospital das Forças Armadas.. O requerimento de informações havia sido apresentado pelo deputado Rogério Correia (PT-MG). Bolsonaro fez os exames para detectar o novo coronavírus em 12 e 17 de março, após voltar de missão oficial nos Estados Unidos. Nas duas ocasiões, o presidente informou, via redes sociais, que os testes deram negativo para a doença, mas não exibiu cópia do resultado. Questionado a respeito, ele disse que a lei garante o sigilo das informações. Não citou, como é de seu feitio, que lei é essa. Nas verdadeiras repúblicas democráticas, os ocupantes de mandatos por escolha popular têm obrigação de dar informações sobre seu estado de saúde, um bem público.

Para ouvir comentário clique no play abaixo:

 

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Assuntos para comentário na quarta-feira 15 de abril de 2020-04-15

1 – Haisem – Até que ponto você considera uma boa notícia a chegada de testes comprados da Coréia do Sul para pelo menos sairmos do vôo cego da perseguição ao violento e misterioso novo coronavírus no Brasil

2 – Carolina – Até que ponto a notícia de que os governadores do Rio, Wilson Witzel, e do Pará, Hélder Barbalho, pode contribuir para convencer brasileiros fora desses Estados a aderirem ao isolamento social como única forma comprovada até agora de deter o avanço da covid-19

3 – Haisem – Você acha que os procuradores federais têm razão ao protestar contra a posição de seu chefe, Augusto Aras, emprestando a força da instituição nas sessões de votação do Supremo Tribunal Federal para apoiar a cruzada do presidente da República, Jair Bolsonaro, contra o isolamento social decidido por governadores e prefeitos

4 – Carolina – Mandetta fez uma falta. Merece cartãodiz Mourão. Esta é a manchete de primeira página do Estadão. De fato, tudo indica que Bolsonaro só não deu cartão cartão vermelho ao ministro da Saúde porque ainda não decidiu sobre seu substituto. Que conseqüências você prevê para o combate ao novo coronavírus no País com essa eventual demisão

5 – Haisem – Quando falam em ciência, Bolsonaro saca o revólver – este  é o título de seu artigo na página 2 do Estadão. O que este texto revela de relevante para explicar o comportamento do presidente da República na maior crise sanitária da História

6 – Carolina – Washington Post diz que Bolsonaro é o pior líder global na crise da covid-19. O jornalão americano, que ganhou fama no caso Watergate que levou o presidente Richard Nixon a reunúncia, não poupou o “mito” dos bolsonaristas, hein, Nêumanne

 

 

 

 

 

 

Direto ao Assunto no YouTube: E Bolsonaro demitiu Mandetta

Direto ao Assunto no YouTube: E Bolsonaro demitiu Mandetta

O presidente Jair Bolsonaro foi proibido pelo STF, em votação unânime, de impedir decisões de isolamento social decretada por governadores estaduais e prefeitos municipais. Ainda assim, manteve o mesmo trololó negando a ciência adotado pelo resto do mundo e demitiu Luiz Henrique Mandetta do Ministério Saúde, mentindo covardemente sobre ter sido esta uma decisão compartilhada com o demitido, na hora mais imprópria, à véspera do pico da curva de contágio e mortes da pandemia. Bajulou os militares, como se isso bastasse para apagar da História sua saída negociada por indisciplina do Exército na baixa patente de capitão. E levou a tiracolo o oncologista Nelson Teich, tido como cientista respeitado, mas de memória fraca, pois: esqueceu o que lhe ensinaram Hipócrates e os pais das ciências médicas: a função primeira de qualquer esculápio que se preze é a vida de seu paciente. no discurso de apresentação, o presidente mentiu, ao inventar que o Brasil estava voando economicamente quando a pandemia surpreendeu um país com 12 milhões de desempregados. E ameaçou com estado de sítio para impor o que chama agora de o direito constitucional de ir e vir, como se tivesse votos no Congresso para tanto. E não tem mesmo.Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique no play abaixo:

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

Comentário no Jornal da Gazeta: Washington Post detona Bolsonaro

Comentário no Jornal da Gazeta: Washington Post detona Bolsonaro

Bolsonaro é o pior governante que combate a pandemia no mundo, segundo o jornal americano Washington Post, que entrou para a História denunciando os papéis do Pentágono e o escândalo Watergate, que derrubou Nixon. Em artigo no Estadão de hoje, expliquei por quê: defendendo a “pílula do câncer” e a cloroquina contra covid-19, presidente combate a ciência por ignorância.

Para ver comentário no Jornal da Gazeta da quarta-feira, às 19 horas, clique no play abaixo: 

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

Comentário no Jornal Eldorado: Boa notícia na guerra à covid-19

Comentário no Jornal Eldorado: Boa notícia na guerra à covid-19

 

A quarta-feira 15 amanheceu com uma boa notícia na guerra contra o novo coronavírus: chegou o primeiro lote de testes comprados pelo governo de São Paulo. São 725 mil, importados da Coreia do Sul. Agora eles vão ser distribuídos para os 34 laboratórios habilitados a fazer o diagnóstico em todo o estado. Este é apenas o começo da recuperação de um item fundamental, que garantiu o sucesso do combate à covid-19 na Coreia do Sul, tido como modelo, e na Alemanha. Como diz Carlos Andreazza, “estamos no voo cego na luta contra a pandemia”. O Brasil, 14.º colocado no item, faz 296 testes por milhão de pessoas. O Irã, segundo que menos testa entre os 15 mais afetados, 2.755 por milhão. Os EUA, 7.101 por milhão. A Alemanha, um dos países com menor taxa de mortalidade, testou 1.317.887 pessoas, 15.730 por milhão.

Para ouvir comentário clique no play abaixo:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui. 

Assuntos para comentário na quarta-feira 15 de abril de 2020-04-15

1 – Haisem – Até que ponto você considera uma boa notícia a chegada de testes comprados da Coréia do Sul para pelo menos sairmos do vôo cego da perseguição ao violento e misterioso novo coronavírus no Brasil

2 – Carolina – Até que ponto a notícia de que os governadores do Rio, Wilson Witzel, e do Pará, Hélder Barbalho, pode contribuir para convencer brasileiros fora desses Estados a aderirem ao isolamento social como única forma comprovada até agora de deter o avanço da covid-19

3 – Haisem – Você acha que os procuradores federais têm razão ao protestar contra a posição de seu chefe, Augusto Aras, emprestando a força da instituição nas sessões de votação do Supremo Tribunal Federal para apoiar a cruzada do presidente da República, Jair Bolsonaro, contra o isolamento social decidido por governadores e prefeitos

4 – Carolina – Mandetta fez uma falta. Merece cartãodiz Mourão. Esta é a manchete de primeira página do Estadão. De fato, tudo indica que Bolsonaro só não deu cartão cartão vermelho ao ministro da Saúde porque ainda não decidiu sobre seu substituto. Que conseqüências você prevê para o combate ao novo coronavírus no País com essa eventual demisão

5 – Haisem – Quando falam em ciência, Bolsonaro saca o revólver – este  é o título de seu artigo na página 2 do Estadão. O que este texto revela de relevante para explicar o comportamento do presidente da República na maior crise sanitária da História

6 – Carolina – Washington Post diz que Bolsonaro é o pior líder global na crise da covid-19. O jornalão americano, que ganhou fama no caso Watergate que levou o presidente Richard Nixon a reunúncia, não poupou o “mito” dos bolsonaristas, hein, Nêumanne

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

 

 

Direto ao Assunto no YouTube: Bolsonaro assombra mundo

Direto ao Assunto no YouTube: Bolsonaro assombra mundo

The Washington Post, o jornal americano que revelou os bastidores da guerra do Vietnã nos Papéis do Pengágono e derrubou Nixon da presidência dos EUA com as reportagens sobre o caso Watergate, escreveu em editorial que Bolsonaro é o pior dos quatro governantes que sabotam o isolamento social para reduzir velocidade de contágio do novo coronavírus, superando assim os ditadores bielorusso Lukashenko, turcomeno Berdymukhamedov e nicaraguense Daniel Ortega. E ainda apelou para Trump convencer seu amigo do contrário. Acho difícil. Em artigo na página 2 do Estado mostrei a coerência do presidente da democracia brasileira em sua guerra contra o conhecimento científico, dispondo-se até a lutar pela aprovação da “pílula do câncer”, a maior picaretagem da história da medicina brasileira, quiçá do mundo, e a desempenhar o papei de propagandista agora da dioxicloroquina contra o vírus chinês. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.
Para ver vídeo no YouTube clique no play abaixo:

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

 

 

 

Comentário no Jornal Eldorado: Salário e jornada menores, emprego salvo

Comentário no Jornal Eldorado: Salário e jornada menores, emprego salvo

O governo já registrou mais de 1 milhão de acordos entre empresas e empregados para reduzir jornada e salário ou suspender contratos durante a crise provocada pela pandemia do novo coronavírus. Esses trabalhadores receberão um benefício emergencial equivalente a uma parte do segundo-desemprego a que teriam direito caso fossem demitidos, um auxílio do governo para amortecer a perda na renda da família. Segundo o secretário especial de Previdência e Trabalho, Bruno Bianco, , o número inclui acordos individuais, negociados diretamente entre empresa e trabalhador, e coletivos, com intermediação de sindicatos de categorias. “São mais de um milhão de empregos preservados”, disse o secretário. O governo age lentamente e sem precisão estatística, mas pelo menos começou a agir. Aleluia tardia!

Para ouvir comentário clique no play abaixo:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui. 

 

Assuntos para comentário de terça-feira 14 de abril de 2020

1 – Haisem – Corte de salário e jornada já atingiu 1 milhão de pessoas – Esta é a manchete de primeira página do Estadão de hoje. A que conclusão você chegou com esta notícia

2 – Carolina – 4 mil empresas prometem não demitir – A boa novidade publicada nesta chamada no alto da primeira página do Estadão chegou a surpreendê-lo de alguma forma

3 – Haisem – Câmara aprova ajuda de R% 89,6 bilhões a Estados – Afinal, na sua opinião, quem saiu ganhando na queda de braço entre os Poderes Executivo e Legislativo na aprovação desta ajuda bilionária que congelou o Plano Mansueto e terminou ganhando a denominação jocosa de Plano Mãesueto

4 – Carolina – Em que dados concretos você acha que o procurador-geral da República, Augusto Aras, se baseou para afirmar em seu despacho contra a liminar em que o ministro Alexandre de Moraes proibiu o presidente Jair Bolsonaro de interromper medidas de restrição a circulação de pessoas no combate ao coronavírus

5 – Haisem – No título de seu artigo semanal no Blog do Nêumanne do Portal do Estadão – O presidente pode mentir ao STF? – você deixa no ar uma questão sem resposta. Qual sua intenção com isso

6 – Carolina – No ponto mais alto da primeira página do Estadão de hoje há uma foto do cantor e compositor Moraes Moreira com o título Adeus do novo baiano. O que você tem a dizer sobre a morte deste astro da música popular brasileira

 

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

 

 

Página 40 de 782«...510152025...3839404142...4550556065...»
Criação de sites em recife Q.I Genial