Site oficial do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto

Direto ao Assunto

No Canal do Nêumanne no Youtube: Ministros do STF são nababos Caixa de entrada

No Canal do Nêumanne no  Youtube: Ministros do STF são nababos Caixa de entrada

Subsídios do Judiciário,  antes mesmo do reajuste repugnante presenteado por Temer e outros suspeitos, acusados, denunciados, processados e condenados da Câmara e do Senado, quadruplicaram em relação a despesas de Executivo e Legislativo e também comparados com a média dos vencimentos dos colegas europeus (4,5 vezes os salários dos trabalhadores comuns na Europa e 16 vezes no Brasil). Completo despudor. Se gostar deste vídeo, pode dar um like, por favor, inscrever-se no meu canal,  clicar no sininho para ser avisado quando eu gravar os próximos; e me encontrar diariamente no Blog do Nêumanne na Política do Estadão (https://política.estadao.com.br/blogs/neumanne/) e no meu site Estação Nêumanne (www.neumanne.com); de segunda a sexta feiras no Estadão Notícias no Portal do Estadão, às 6 horas, e no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado FM 107,3 (eldorado@estadao.com.net), às 7h30m; e esporadicamente no Estadáo às 5 aqui mesmo no YouTube. Direto ao assunto, inté e Deus é mais!

Para ver o vídeo, clique no play abaixo:

Para ver vídeo no Canal do Nêumanne no  Youtube clique aqui.

Para ver no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Todos os vídeos do Nêumanne nesta Estação. Clique aqui.

you2dez

Comentário no Estadão às 5: Indulto, nunca mais!

Comentário no Estadão às 5: Indulto, nunca mais!

O indulto dado por Temer e sacramentado pelo STF mostra o perigo representado por artigos constitucionais vagos e só tem uma forma de evitá-lo: o presidente eleito, Jair Bolsonaro, e o futuro ministro da Justiça, Sérgio Moro, usando a votação que o primeiro teve e a popularidade do segundo para promover uma reforma da Constituição eliminando essa jabuticaba passada. O constituinte foi imprevidente ao não imaginar que a Presidência da República pudesse vir a ser ocupada por pessoas levianas como Dilma Rousseff e seu companheiro de chapa vitoriosa nas eleições de 2010 e 2014, a ponto de ela cometer pedaladas fiscais e ele abusar do poder monocrático de extinguir penas a seu bel prazer. Este foi um de meus comentários no Estadão às 5, ancorado por Emanuel Bomfim e retransmitido do estúdio da TV Estadão na redação do jornal pelas redes sociais Youtube, Twitter e Facebook na sexta-feira 30 de novembro, às 17 horas.

Para ver o vídeo clique aqui.

Para ver no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Todos os vídeos do Nêumanne nesta Estação. Clique aqui.

No Canal do Nêumanne no Youtube: O indultão do Vampirão

No Canal do Nêumanne no Youtube: O indultão do Vampirão

O indulto criminoso decretado por Temer, que Nando Moura chama de Vampirão Cabeção, conseguiu maioria no STF, que, em vez de agir como guardião da Constituição, como se jactava de ter sido, virou agora avalista da corrupção, usando-a como mero pretexto. Sua abominável sessão, em que essa nova tarefa foi assumida de forma descarada, dá muito bem uma ideia de como essa elite que mama nas tetas do Estado nacional perdeu totalmente qualquer senso de pudor e de postura. Se gostar deste vídeo, por favor, dê um like, inscreva-se no meu canal, clique no sininho para ser avisado quando gravar e publicar os próximos; e me encontre sempre no Blog do Nêumanne  no Portão do Estadão (https://politica.estadao.com.br/blogs/neumanne/) e no site Estação Nêumanne (www.estadao.com); de segunda a sexta feiras no Estadão Notícias no Portal do Estadão, às 6h, e no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado FM 107,3 (eldorado@estadao.com.net), às 7h30m; e esporadicamente no Estadão às 5 aqui mesmo no Youtube. Direto ao assunto, inté e Deus é mais!

Para ver o vídeo, clique no play abaixo:

Para ver o vídeo no Youtube clique aqui.

Para ver no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Todos os vídeos do Nêumanne nesta Estação. Clique aqui.

Comentário no Jornal Eldorado: STF dá aval à corrupção

Comentário no Jornal Eldorado: STF dá aval à corrupção

Sessão do STF que adiou decisão final de julgamento já decidido a favor do indulto criminoso de Temer a corruptos e outros bandidos camaradas da política deixou claro que a cúpula do Poder Judiciário não é mais guardião da Constituição, mas passou a usá-la como pretexto para servir de bastião à velha politica corrupta e podre da República. Após haver conseguido de deputados, senadores e Temer, muitos deles suspeitos da roubalheira que assola o País, minando assim os esforços da Lava Jato, aprovados pelo cidadão na eleição de outubro, e antes de derrubar a jurisprudência da possibilidade de prender condenados em segunda instância até abril, “supremos” levam a extremo sua abominável missão de soltar.

(Comentário no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107,3 – na sexta-feira 30 de novembro de 2018, às 7h30m)

Para ouvir, clique no play abaixo.

Ou clique aqui e, em seguida, no play:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

 

 

Assuntos para comentário da sexta-feira 30 de novembro de 2018

 

1 – Haisem – STF deu maioria a favor do indulto de Temer. Pedido de vista adiou resultado final

SONORA_TOFFOLI 3011

 

2 – Carolina – O que houve de inusitado que o chocou na sessão do julgamento do indulto pelo STF, mais até do que seu resultado

SONORA_GILMAR MENDES 3011

 

3 – Haisem – Muita gente tem interesse em minha morte, diz Bolsonaro

 

4 – Carolina – Bolsonaro diz que atual proposta de reforma é “um pouco agressiva” para o trabalhador

 

5 – Haisem – CCR entrega caixa 2 de 30 milhões para Alckmin e Serra

 

6 – Carolina – Palocci em casa e delatando também para MPF

 

7 – Haisem – Pezão vai cumprir pena em sala de Estado Maior em Niterói e PF diz que ele sucedeu Cabral na chefia da organização criminosa

 

8 – Carolina – Rosa Weber insinua que pode votar

Comentário no Estadão Notícias: Briga de bar no STF

Comentário no Estadão Notícias: Briga de bar no STF

Houve de tudo na sessão em que, mais uma vez, o plenário do STF adiou não se sabe para quando a votação sobre o decreto criminoso do indulto natalino de Temer para Natal de 2017, porque Fux pediu vista, Gilmar forçou a barra para derrubar liminar contra e Toffoli pediu outra vista para evitar que se desrespeitasse uma tradição na Casa. Esse clima de briga de bar no órgão que se comporta como se estivesse acima do bem e do mal, levando a denominação de “supremo” ao extremo de se achar poder moderador, tal como era usado pelo imperador antes da República e não tivesse a dar satisfação nenhuma a cidadão que lhe paga subsídios que são o limite para vencimentos de funcionários. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da sexta-feira 30 de novembro de 2018.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no player.

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Comentário no Jornal Eldorado: Tudo pelos amigos suspeitos

Comentário no Jornal Eldorado: Tudo pelos amigos suspeitos

A sessão plenária do STF em que começou o julgamento do indulto de Natal do ano passado, decretado por Temer, teve início com o voto lúcido e informativo do relator, Barroso, mas continuou com outro de Alexandre de Moraes abrindo dissidência, que tem tudo para prevalecer. E este garantiu o direito dado ao chefe do Executivo de soltar quem quiser, atribuído pelos guardiões da Constituição à própria. Pelo andar da carruagem, deu bandeira de que a preferência por alguns bandidos da classe política faz parte de um grande acordo geral em que time dos ministros ditos “supremos” acertou tudo previamente com o chefe do Executivo, os suspeitos do Legislativo pela impunidade e contra a Lava Jato.

(Comentário no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107,3 – na quinta-feira 29 de novembro de 2018, às 7h30m)

Para ouvir, clique no play abaixo:

Ou clique aqui e, em seguida, no play:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

 

1 – Haisem – Pezão é preso pela Lava Jato no Rio

 

2 – Carolina – Votação do indulto no STF – 1 a 1

SONORA_BARROSO 2911

 

3 – Haisem – Alexandre de Moraes – voto liberou geral para Temer

SONORA_MORAES 2911

 

4 – Carolina – Gilmar – Indulto é necessária para esvaziar prisões

 

5 – Haisem – Palocci de volta pra casa com tornozeleiras

 

6 – Carolina – Inconfidência de Eduardo Bolsonaro nos EUA sobre Previdência – furo de Beatriz Bulla

 

7 – Haisem – Esforço na Câmara para reverter Lei das Estatais em benefício de políticos

 

8 – Carolina  Entrevista do editor Zé Mario Pereira no Blog do Nêumanne

Página 5 de 556«...34567...1015202530...»
Criação de sites em recife Q.I Genial