Site oficial do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto

Podcast

Comentário no Estadão Notícias: Corrupção antiga

Comentário no Estadão Notícias: Corrupção antiga

Com autorização do relator do caso no STF, ministro Edson Fachin, a PF fez duas buscas e apreensões na sede do PP e em imóveis do senador Ciro Nogueira (PI), presidente do mesmo partido, antes mais conhecido como sendo de propriedade de Paulo Maluf, corrupto-símbolo da ditadura militar conforme o PT, de quem já fora aliado na eleição que levou Fernando Haddad, hoje candidato petista à Presidência, à prefeitura de São Paulo. E chama a atenção o fato de que tudo o que sua defesa teve a alegar em seu favor é que a delação era “antiga”, como se tivesse sido feita nos tempos do Império Romano. Isso revela que antiga mesmo é a prática da corrupção na cúpula politica brasileira. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da sexta-feira 28 de setembro de 2018.
Para ouvir clique no link abaixo e, em seguida, no player:
Acesse. Clique aqui!
Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique no link abaixo:
Acesse. Clique aqui!

Comentários no Estadão às 5: O besteirol do general

Comentários no Estadão às 5: O besteirol do general

Na ditadura militar um escape de quem não suportava a dureza dos tempos era a coluna de Stanislaw Ponte Preta, pseudônimo de Sérgio Porto, no Última Hora. O autor do Samba do crioulo doido e criador das certinhas do Lalau inventou o Festival de Besteira que Assola o País, Febeapá. A ditadura acabou, Sérgio morreu, mas o Febeapá ainda está aí a produzir pérolas do besteirol. A última foi do general Hamilton Mourão, vice do candidato Jair Bolsonaro, do PSL,  para presidente, que desqualificou o 13.º salário e férias como “jabuticabas brasileiras”. O candidato logo o desautorizou, mas produziu outra piada: ao contrário do que ele escreveu, tais direitos trabalhistas não são cláusulas pétreas da Constituição. Viche! Este é um dos comentários que fiz no Estadão às 5, ancorado por Emanuel Bomfim no estúdio da TV Estadão na redação do jornal e retransmitido por Youtube, Twitter e Facebook na quinta-feira 27 de setembro de 2018, às 17 horas.

Para ver o vídeo clique no  play abaixo:

Para ver no Blog do Nêumanne, Politica, Estadão, clique no link abaixo:

https://politica.estadao.com.br/blogs/neumanne/o-besteirol-do-general/

Comentário no Estadão Notícias: Cuba defende Lula na ONU

Comentário no Estadão Notícias: Cuba defende Lula na ONU

O Brasil apareceu duas vezes na Assembleia Geral da ONU em Nova York na terça e na quarta-feiras 25 e 26 de setembro. O presidente Michel Temer discursou pela última vez, cumprindo tradição que cabe ao presidente brasileiro. E uma das maiores atrações da reunião, o primeiro presidente cubano não pertencente ao clã Castro, estreou denunciando o País pelo “encarceramento com fins políticos do ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva”. O herdeiro da brutal e longeva tirania caribenha deu aval politicamente correto de um regime que fuzilou adversários, perseguiu e torturou desafetos pôs seus compadres do PT em aliança na qual incluiu governos notoriamente antidemocráticos como os de Nicarágua e Venezuela. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da quarta-feira 26 de setembro de 2018.

Para ouvir clique no link abaixo e, em seguida, no player:

https://brasil.estadao.com.br/blogs/estadao-podcasts/estadao-noticias-pais-saira-rachado-da-eleicao-avaliam-especialistas/

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique no link abaixo:

https://politica.estadao.com.br/blogs/neumanne/cuba-defende-lula-na-onu/

Comentário no Diário da crise: Vingança de Lula será maligna

Comentário no Diário da crise: Vingança de Lula será maligna

Diário da crise – Quarta-feira 26 de setembro de 2018

Delação premiada de Palocci já está no TRF-4 de Porto Alegre para Justiça decidir que benefícios ele terá na sua pena com provas que apresentar contra Lula, que se vingará dele, se Haddad ganhar

Da série PT, o vampiro brasileiro.

Venho falando há algum tempo que o Estado é vingativo, e não foi o PT que inventou a medida de exemplo de retaliação. Desde a História antiga os poderosos enforcavam nos portões da cidade os que desafiavam o regime para reprimir comportamentos que lhes desagradassem e induzir adesão a seus propósitos do poder absoluto e indiscutível.

Conforme foi publicado na coluna Painel, da Folha de S.Paulo, os dados que Antônio Palocci apresentou como provas em sua delação premiada já chegaram ao TRF-4, para a Justiça determinar os benefícios que ele deverá receber. O site Antagonistarepercutiu o fato na nota “Cuidado Palocci, se Fernando Haddad for eleito, Antonio Palocci será esmagado por Lula”.

Pois é!  Tem mais gente na lista. Alguns procuradores da Lava Jato, Deltan Dallagnol encabeçando-a, e mais alguns ministros do Supremo Tribunal Federal (STF), com Luís Roberto Barroso, Luiz Fux e Cármen Lúcia na dianteira. Nem falar no juiz Sergio Moro, no ex-procurador-geral da República, “o ingrato” Rodrigo Janot e outros tantos quantos.

E mais: não dá para omitir o “mea culpa” feito pelo Diretório Nacional do Partido dos Trabalhadores, depois do impeachment de Dilma Rousseff, enumerando pelo menos 13 pontos e os também os “desafios partidários” para o próximo período. Entre estes, destaquem-se a mídia monopolizada, a Operação Lava Jato e o alinhamento imposto pelo andar de cima de diversos grupos do aparato repressivo estatal – delegados, procuradores e juízes.

Como esquecer ainda o programa do PT anunciado pelo seu candidato Fernando Haddad, na verdade, o preposto de Lula, que propõe uma reforma do Poder Judiciário, instruindo tempo de mandato para ministros do STF e das outras Cortes Superiores de Justiça, mudanças na escolha dos integrantes do STF e dos tribunais superiores e alterações que interessam a seus maganões e outros suspeitos mandatários do Congresso na Lei das Organizações Criminosas, particularmente no capítulo que os assusta, o que regula o recurso às delações premiadas?

Se o PT for eleito, a corrupção vencerá e a perseguição aos que foram, aos olhos do PT, contra o partido e seus membros será uma “vingança maligna”,  parafraseando o inesquecível personagem Bento Carneiro, o vampiro brasileiro de Chico Anysio.

Estejamos todos preparados para sofrer uma devassa, a exemplo do Joaquim Barbosa, e a divulgação de noticias negativas.  “Tem que ter medo.” A palavra de ordem é, não duvidem, “achincalhar”.

Para ler no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique no link abaixo:

Acesse o Blog do Nêumanne. Clique aqui!

 

Comentário no Jornal Eldorado: PSDB e PT mal em São Paulo

Comentário no Jornal Eldorado: PSDB e PT mal em São Paulo

A pesquisa Ibope Estadão Globo divulgada esta semana trouxe detalhes que não tiveram muito destaque no noticiário, mas contêm importantes revelações sobre o quadro histórico do poder no maior colégio eleitoral do País – o Estado de São Paulo. Chama atenção o risco da revoada dos tucanos para longe do poder no Palácio dos Bandeirantes, onde reinaram por 24 anos em mandatos próprios ou de vices aliados empossados: o presidenciável do PSDB, Geraldo Alckmin, apostou em João Doria e Márcio França, este do PSB, e nenhum tem vitória assegurada. Ele mesmo está longe do favorito no Estado, Jair Bolsonaro, do PSL. Seu ferrenho opositor, o PT, também vai de mal a pior com Fernando Haddad e Luiz Marinho.

(Comentário no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado _FM 107,3 – na quarta-feira 26 de setembro de 2018, às 7h30m)

Para ouvir, clique no play abaixo:

OU clique no link abaixo e, em seguida, no play:

Direto ao Assunto. Clique aqui!

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Politica, Estadão, clique no link abaixo

Ouça no Blog do Nêumanne. Clique aqui!

Abaixo, os assuntos do comentário da quarta-feira 26 de setembro de 2018

 https://politica.estadao.com.br/blogs/neumanne/psdb-e-pt-mal-em-sao-paulo/

1 – Haisem – Que novidades o último levantamento da pesquisa Ibope Estadão Globo trouxe sobre a disputa do governo do Estado de São Paulo, o mais rico e populoso do País?

2 – Carolina – A que conclusões é possível chegar após a leitura dos dados sobre a disputa pela Presidência da República no Estado de São Paulo, o maior colégio eleitoral do País no levantamento do Ibope divulgado ontem?

3 – Haisem – Você considera bom ou ruim para o Estado de Direito no Brasil o cancelamento por falta de quórum da reunião que o ex-ministro da Justiça e signatário do processo de impeachment da ex-presidente Dilma Roussef, advogado Miguel Reale Júnior, tentou promover ontem em São Paulo tentando unificar o chamado “centro democrático” ou, como dizem outros, uma imitação da terceira via das disputas eleitorais européias?

4 – Carolina – O que você tem a destacar da viagem que o presidente Michel Temer fez a Nova York para abrir a Assembleia Geral da ONU, como acontece tradicionalmente a cada ano?

5 – Haisem – Qual a importância política da notícia de que a Primeira Turma do Supremo Tribunal Federal autorizou a prisão do senador Alcir Gurgacz, do PDT de Rondônia, condenado a 4 anos e 6 meses de prisão em regime semiaberto por crimes contra o sistema financeiro nacional em fevereiro deste ano pelo mesmo STF?

6 – Carolina – Por que o Partido Socialista Brasileiro requereu ao Tribunal Superior Eleitoral para não invalidar os títulos dos eleitores que perderam o prazo para o cadastramento biométrico obrigatório permitindo que eles participassem pelo menos do segundo turno das eleições, o que foi negado pela presidente do TSE, ministra do STF Rosa Weber, e deverá ser submetido a julgamento no Supremo Tribunal Federal na sessão de hoje, com o ministro Luís Roberto Barroso como relator?

7 – Haisem – Qual é, afinal, o status atual do famoso Paulo Preto, acusado de ser operador de propinas do PSDB de São Paulo à época do governo José Serra quando, então, ocupava uma diretoria da Dersa após nova decisão da Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal, depois que um dos membros dessa turma, o indefectível ministro Gilmar Mendes, mandou soltá-lo com anuência de seus colegas Ricardo Lewandowski e Dias Toffoli, agora substituído no colegiado por Cármen Lúcia por ter ele ocupado a presidência da Corte?

8 – Carolina – E, por falar em puxa-encolhe, o que será feito da candidatura do ex-governador do Paraná Beto Richa, do PSDB, depois que o Ministério Público do Estado, que ele governou, o denunciou por corrupção e fraude à licitação 11 dias depois de o ministro do STF Gilmar Mendes ter mandado soltá-lo?

 

Comentário no Estadão Notícias: A terceira vala

Comentário no Estadão Notícias: A terceira vala

Não é novidade que Ciro Gomes, Geraldo Alckmin e Marina Silva despenquem em pesquisas de eleições à Presidência da República. Agora, o trio Derrota à Vista aproveitou-se das críticas à polarização que levou à liderança da disputa os candidatos antilula Jair Bolsonaro, do PSL, e Fernando Haddad, do PT, preposto de Lula, para desfraldar a bandeira fajuta da “terceira via”, numa tentativa de engabelar o eleitorado com essa lorota de social democracia europeia. O levantamento do Ibope Estadão Globo, contudo, desmanchou a farsa sem nexo em que se misturam candidatos do partido brizolista, dos tucanos e da Rede Sustentabilidade, sem nada em comum a não ser a vala a jogá-los. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da quarta-feira 26 de setembro de 2018.

Para ouvir clique no link abaixo e, em seguida, no player:

Acesse. Clique aqui!

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Politica, Estadão, clique no link abaixo:

Acesse o Blog do Nêumanne. Clique aqui!

Página 50 de 155«...510152025...4849505152...5560657075...»
Criação de sites em recife Q.I Genial