Site oficial do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto

Podcast

Direto ao Assunto no YouTube: Suspeitos jogam fogo no projeto de Moro

Direto ao Assunto no YouTube: Suspeitos jogam fogo no projeto de Moro

Parlamentares suspeitos ou que temem ser descobertos na bandalheira querem trocar projetos contra corrupção e crime organizado entregues ao Congresso por um pacotinho de segurança pública  do ministro do STF Alexandre de Moraes, prometendo apoio a uma reforma atenuada da Previdência, com a qual nem sequer se comprometem. A fuga em massa dos traíras do PSL, deixando Paulo Guedes sozinho  para enfrentar o filhote do tigrão Zé Dirceu, é só o primeiro ensaio de um grotesco espetáculo a ser encenado na Comissão Especial e no plenário da Câmara, assistido com prazer pelo presidente Nhonho. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique no link abaixo:

Para ver no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Comentário no Jornal Eldorado: Pacote anticrime de Moro sabotado

Comentário no Jornal Eldorado: Pacote anticrime de Moro sabotado

Já chegaram por sinais de fumaça a Bolsonaro que, se não sacrificar o pacote anticrime de Moro, a reforma da Previdência não passará. Só que, mesmo que o governo sacrifique os projetos do ministro da Justiça, os de Paulo Guedes também não passarão. Sem “base”, governo não tem como garantir que não volta com a reforma criminal após aprovada a reforma da Previdência. Ou seja: tira Guedes e coloca Moro, mas não para manter os ladrões em seus covis. Melhor do que ir para o Congresso e ficar em Comissões com os que só se interessam por comissões. É chamar a imprensa e a mídia eletrônica e tratar diretamente com o patrão: o eleitor. Só bobo cai nessa armadilha quase explícita.

Para ouvir clique no play abaixo:

Ou clique aqui e, em seguida, no link.

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Assuntos para comentário de sexta-feira 5 de abril de 2019

1 – Haisem – O que indicam os sinais de fumaça que estão sendo emitidos no Planalto Central e você têm captado por aqui no Planalto de Piratininga a respeito de reforma da Previdência e pacote anticrime?

 2 – Carolina – A manchete do Estado revelou que “em busca de apoio, Bolsonaro pede ajuda e desculpas a partidos”. Por que o presidente resolveu desde ontem bater altíssimos papos com os chefões dos partidos, já que avisou que não vai tratar de jeito nenhum de cargos nessas conversas

SONORA BOLSO LIVE 0504 A

 3 – Haisem – Quais são as críticas que o líder do PSL está fazendo ao presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, que se tem demonstrado tão solícito ao presidente Bolsonaro e a seu partido

 4 – Carolina – O que levou o ministro Edson Fachin a mandar os processos contra Zeca Dirceu e seu pai, Zé Dirceu, da Justiça Penal para a Eleitoral

 5 – Haisem – Com Temer sendo considerado réu, agora ao lado da filha, Maristela, por causa de uma reforma na casa dela, seria o caso de dizer que neste começo de outono foi aberta a caça ao ex-presidente

SONORA_TEMER 0504

 6 – Carolina – A Folha de S. Paulo informa em manchete de primeira página que a Polícia Federal viu indícios de laranjas no caso do ministro do Turismo. E agora, Jair?

 7 – Haisem – Você se surpreendeu com a decisão da perícia da Policia Federal sobre o incêndio do Museu Nacional da Quinta da Boa Vista, ao concluir que o fogo deve ter sido ateado por um curto circuito num aparelho de ar condicionado

 8 – Carolina – Qual é o cardápio de sua entrevista no Blog do Nêumanne na edição desta semana, protagonizada pelo ex-jornalista e historiador Hugo Studart

Comentário do Estadão Notícias: Qual é o truque do Toffoli?

Comentário do Estadão Notícias: Qual é o truque do Toffoli?

Não há dúvida de que o anúncio feito pelo presidente do STF, o petista Dias Toffoli, do adiamento da sessão para rediscutir a autorização para decretação de início de pena após condenação em segunda instância, a pedido do autor, o presidente do Conselho Federal da OAB, o petista Felipe Santa Cruz, foi causado pela certeza de nova derrota. Pois não há expectativa de nenhuma mudança. Resta saber se Sua Excelência reserva a nova data para ocasião em que aparecer alguma perspectiva de mudança de seus pares sobre o assunto, do interesse direto de seu ex-chefe Lula. Este é meu comentário do Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da sexta-feira 5 de março de 2019.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no player.

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

 

Comentário no Jornal Eldorado: Guedes enfrenta cafajestes

Comentário no Jornal Eldorado: Guedes enfrenta cafajestes

O confronto entre o ministro da Fazenda, Paulo Guedes, e o filho, sobrinho e ele mesmo corrupto Zeca Dirceu na CCJ da Câmara na quarta-feira – que desviou debate sobre reforma da Previdência para o funk da Tchutchuka do Bonde do Tigrão e terminou com a resposta fora do microfone do economista “é sua mãe, sua avó” – dá bem ideia do nível da esquerda. E do amadorismo covarde da tal “base do governo”. A tentativa de economizar R$ 1 trilhão para deter o arrombamento das contas públicas pelas despesas com inativos enfrenta a fúria de uma tal “resistência” sem nenhum compromisso com a verdade e a honra a que autores de propostas são expostos sem governistas dispostos a socorrê-los.

Para ouvir clique no play abaixo:

Ou clique aqui e, em seguida, no play.

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui. 

Assuntos para comentário de quinta-feira 4 de abril de 2019

1 – Haisem – O que fez o ministro da Fazenda, Paulo Guedes, perder a paciência com o deputado Zeca Dirceu e responder fora do microfone “Tchuchuca é a mãe, é a avó” na discussão sobre reforma da Previdência na CCJ da Câmara, como registra primeira página do Estadão hoje

SONORA_ZECA DIRCEU 0404

2 – Carolina – Você acha que Paulo Guedes foi bem-sucedido ao tentar convencer os membros da CCJ da Câmara a darem o aval de constitucionalidade ao texto da reforma da Previdência ao dizer que esta custa 20 vezes os gastos da Educação pública

SONORA_GUEDES 0404 A

3 – Haisem – Quem perdeu com a decisão do Senado de aprovar a PEC do Orçamento Impositivo aprovado por quase unanimidade na Câmara

4 – Carolina – O que, a seu ver, levou o presidente Dias Toffoli a suspender a sessão de julgamentos do STF para realizar uma sessão solene de desagravo à instituição e repetir todas as loas que ele mesmo lhe tem feito

5 – Haisem – O que altera o panorama penal do ex-governadores do Rio Sérgio Cabral e Luiz Pezão ao virarem réus em nova ação sobre corrupção na linha 4 do Metrô do Rio

6 – Carolina – Que razão pode ter tido o deputado estadual e tesoureiro do PT Emídio de Souza para nomear o filho de Lula Luiz Cláudio, acusado na Justiça junto com o pai de se ter beneficiado de propinas na aquisição de jatos para a Força Aérea Brasileira

7 – Haissem – Até que ponto o depoimento da geotécnica Ana Lúcia Ioda à CPI de Brumadinho garantindo que a Vale foi avisada da iminência do arrombamento da represa do Córrego do Feijão prejudicará a empresa

8 – Carolina – O que autoriza o ministro da Educação, Vélez Rodríguez, a mandar os livros didáticos alterarem a narrativa do golpe de 1964 e dessa formar transformar fake news de rede social em história entre aspas

Comentário no Estadão Notícias: O valor que o STF se dá

Comentário no Estadão Notícias: O valor que o STF se dá

Quem quiser ter uma ideia de como o STF se tem dedicado a destravar a economia e a pacificar poderes da República deve consultar sua pauta e verificar que estava marcada para ontem o julgamento de uma ação em que seus ministros decidiriam se uma viúva teria direito a receber toda a pensão deixada pelo marido ou dividi-la com o amante do dito cujo. E quem preferir informar-se sobre a capacidade de a mesma instituição, sob a presidência do dr. Dias Toffoli, tem de causar vergonha à sociedade que mantém seus membros poderá ser informado de que o julgamento foi substituído por uma sessão solene de uma hora em que o órgão máximo do Poder Judiciário ouviu loas sobre os próprios feitos. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da quinta-feira 4 de abril de 2019.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no player.

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

 

Comentário no Jornal Eldorado: Temer: ói nóis aqui tra vêis

Comentário no Jornal Eldorado: Temer: ói nóis aqui tra vêis

Solto pela benemerência do desembargador do TRF 2 do Rio Antônio Ivan Athiê, que considera R$ bilhão 800 milhões de propinas em troca de uma mãozinha em obras superfaturadas comparável à gorjeta dada a um garçom pelo bom serviço prestado, Temer agora é réu de novo por decisão do juiz federal Marcelo Bretas na Operação Descontaminação (viche, até rimou!). Na deslavada generosidade de nossos tribunais superiores qualquer hipérbole pode ser considerada rotineira, como se vê. Certo é que ainda estão por vir novas condenações, previstas desde que o ex-presidente e seus comparsas Moreira Franco e Lima Filho, sem blindagem do foro de prerrogativa, ainda serão processados várias vezes.

Para ouvir clique no play abaixo:

Ou clique aqui e, em seguida, no play:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Assuntos para o comentário da quarta-feira 3 de abril de 2019

1 – Haisem – A notícia de que Bretas aceitou denúncia dos procuradores da Lava Jato e fez Temer, Moreira, Lima e Othon réus surpreendeu você de alguma forma

2 – Carolina – Por que a Câmara do Rio abriu processo de impeachment contra o prefeito Marcelo Crivella e que chances você acha que há de ele vir a ser afastado do cargo em 90 dias

SONORA_CRIVELLA 0304

3 – Haisem – O que, a seu ver, leva Marco Aurélio de Mello a dizer que não aceitaria o pedido feito por Felipe Santa Cruz para Dias Toffoli adiar mais uma votação da súmula vinculante da eventual prisão após segunda instância, marcada para quarta-feira que vem, 10 de abril

4 – Carolina – Será que ninguém avisou a Jair Bolsonaro que o próprio Museu do Holocausto, que foi visitar, contraria sua afirmação após a visita de que o nazismo não é de direita, mas de esquerda

SONORA_BOLSONARO 0304 A

5 – Haisem – O que faz mais mal às relações comerciais brasileiras com os árabes, a abertura do escritório do Brasil em Jerusalém ou o Tweet de Flávio Bolsonaro dizendo querer que “vocês do Hamas” se explodam

6 – Carolina – Você já conseguiu entender por que o presidente da República suspendeu a instalação de novos radares e mandou desativar outros nas rodovias federais

7- Haisem – Qual foi a novidade de a Segunda Turma do STF, com votos de Lewandowski, Gilmar e Celso contra Cármen e Fachin, ter mais uma vez soltando Régis Fichtner, delatado por Sérgio Cabral como o operador das propinas que sua quadrilha recebeu

8 – Carolina – Quantos são os juízes concursados com assento no Supremo Tribunal Federal e por que você acha que este número é significativo

Página 10 de 154«...5...89101112...1520253035...»
Criação de sites em recife Q.I Genial