Site oficial do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto

Direto ao Assunto

Direto ao Assunto no YouTube: Nobel de Medicina para Bolsonaro

Direto ao Assunto no YouTube: Nobel de Medicina para Bolsonaro

1 – No dia em que fez um ano do registro do primeiro caso de covid no Brasil, o presidente da República fez um vídeo alertando para efeitos colaterais do uso de máscara para evitar contágio: irritabilidade, dificuldade de concentração, diminuição de percepção de felicidade, recusa de ir para a escola, vertigem e desânimo. Não é o caso de sugerir o nome dele para o Nobel de Medicina? 2 – Presidente afastado da Petrobrás, Roberto Castello Branco, vestiu uma camisa de malha com o dístico “mind the gap” *cuidado com o vão), uma ironia inteligente. 3 – Quatro de cada cinco vacinas da AstraZeneca, que Bolsonaro adotou para o Brasil, não foram aplicadas na Europa. 4 – Brasileirão acabou com Flamengo bi, e Vasco, Botafogo e Coritiba, rebaixados. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique no link abaixo:

Comentário no Jornal Eldorado: Bolsonaro, perversidade e sadismo

Comentário no Jornal Eldorado: Bolsonaro, perversidade e sadismo

A um ano do registro do primeiro caso da covid-19, o Brasil superou em 24 de fevereiro 250 mil mortos e passa pela pior fase da doença, com pico de internações e com ritmo lento de imunização. Para tentar frear o vírus, prefeitos e governadores voltaram a adotar restrições rígidas. Para os especialistas não há controle sobre a pandemia Só nas últimas 24 horas ocorreram 1.433 mortos. A média móvel foi de 1.129 e representa o recorde da pandemia. Imagem impressionante de uma multidão aglomerada durante a posse de dois ministros “da casa”, Onyx Lorenzoni e João Roma. no Palácio do Planalto assemelham-se a um Coliseu com cada vez mais vítimas e, enquanto isso, Bolsonaro parece passear entre cadáveres como se estivesse num show da Broadway. Perverso e pouco inteligente, ele manifesta um sadismo sem limites.

Para ouvir comentário clique no link abaixo e, em seguida, no play:

 

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Politica, Estadão, clique aqui.

 

Assuntos para comentário na quinta-feira 25 de fevereiro de 2021

1 – Haisem – Brasil atinge 250 mil mortes na pior fase em um ano da pandemia – Esta é a manchete da primeira página da edição impressa do Estadão de hoje. Por que atingimos esse patamar assustador e aonde mais poderemos chegar se tudo continuar da forma como está

2 – Carolina – Estado de São Paulo teme ficar sem leitos em três semanas – Este é o título de outra chamada de primeira página no jornal de hoje – Como foi, a seu ver, que chegamos a esse ponto em matéria de fracasso de combate à pandemia da covid 19

3 – Haisem – Senado aprova compra de vacinas pelo setor privado – Este é mais um título de chamada de primeira página do Estadão hoje. Em que essa decisão pode, ou não, a seu ver, diminuir a preocupação que o povo brasileiro começou a sentir em relação ao êxito do programa público de imunização quando começaram a faltar doses do imunizante nos postos

4 – Carolina – Blindagem de parlamentares avança no Congresso – Este é o título de uma chamada no alto da primeira página do jornal do dia. A que ponto que o Poder Legislativo, que diz representar a cidadania, pode chegar depois de dar esse passo rumo à impunidade de seus membros

5 – Haisem – Auxílio pode ser aprovado sem contrapartida – Eis outro título de chamada de primeira no Estadão desta quinta-feira. Que conseqüências poderão advir de mais esse passo dado no Congresso na direção da total irresponsabilidade fiscal desde a instauração do plano real

6 – Carolina – Petrobrás lucra 59 bilhões e 900 milhões de reais no quarto trimestre de 2020 – Este é o título de mais uma chamada de primeira página no jornal de hoje. Em que esse resultado anunciado autoriza o presidente Jair Bolsonaro a dizer que o presidente da empresa, que ele está afastando, Roberto Castello Branco, está “cansado”

Direto ao Assunto no YouTube: Lira e Collor no cangaço de Boçalnaro

Direto ao Assunto no YouTube: Lira e Collor no cangaço de Boçalnaro

1 – Lira acovardou-se diante do 11 a 0 no STF pela prisão do colega Daniel O Quê e tentou vingar-se impondo emenda da impunidade, mas reação foi tão negativa que afinou e recuou, inventando desculpas amarelas para disfarçar a certeza da recusa da infâmia. 2 – No dia em que a covid matou 250 mil brasileiros, Bolsonaro deu festa para dois novos ministros do palácio com direito a aglomeração e recusa de usar máscara. 3 – O novo chefe do MPRJ, Luciano Mattos, jogará no lixo excepcional trabalho da repartição na investigação de crimes de Flávio Bolsonaro na Alerj. 4 – Ministério da Saúde paga o dobro por vacina da AstraZeneca na Índia e usa coronhavac de Doria sem pagar. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique no play abaixo:

Direto ao Assunto no YouTube: STJ favorece Flávio Bolsonaro

Direto ao Assunto no YouTube: STJ favorece Flávio Bolsonaro

1 – Por 4 a 1, a partir do voto de João Otávio de Noronha e contra o do relator, Félix Fisher, a 5ª Turma do STJ deu o que o primogênito do presidente pede à cúpula da Justiça, tempo, e este festejou a vitória com seu ex-advogado, demitido publicamente, Wassef, em cinismo insuperável. 2 – Lira põe para votar na Câmara emenda Daniel Silveira, em homenagem ao ex-PMRJ que, como seu ídolo, o “Minto”, foge do trabalho como o diabo da cruz. 3 – O presidente ameaçou vetar a compra da vacina da Pfizer, usada em 69 países com 95% de eficácia, por capricho estúpido de idiota negacionista. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique no link abaixo:

Direto ao Assunto no YouTube: Pfizer autorizada, e agora, Bolsonaro?

Direto ao Assunto no YouTube: Pfizer autorizada, e agora, Bolsonaro?

1 – Anvisa autoriza uso definitivo da vacina da Pfizer-Biontech contra covid, e Brasil, que negocia há meio ano, ainda não comprou, por caprichos de Bolsonaro, que ainda alertou para possibilidade de vacinado virar jacaré. 2 – Petrobrás, BB e Eletrobrás perderam R$ 113,2 bilhões do seu valor depois da intromissão do presidente na política de preços de derivados de petróleo. 3 – Livro de Carvalhosa pregando nova Constituição quer fim da reeleição, adoção de voto distrital puro e candidaturas sem partidos. 4 – Populismo de direita quer tomar dinheiro de saúde e educação dos pobres para auxílio emergencial eleiçoeiro. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique no play abaixo:

Comentário no Jornal Eldorado: Capricho de Bolsonaro custa bilhões ao país

Comentário no Jornal Eldorado: Capricho de Bolsonaro custa bilhões ao país

A intervenção do presidente Jair Bolsonaro na Petrobrás, com a exigência de troca no comando da petroleira e reclamações sobre a alta no preço dos combustíveis, provocou forte turbulência no mercado financeiro e acabou respingando nas demais estatais. O risco de um intervencionismo maior e adoção de medidas populistas fizeram as ações das três principais estatais do País (Petrobrás, BB e Eletrobrás) perderem R$ 113,2 bilhões em dois dias. Só na Petrobrás a queda foi de R$ 99,6 bilhões. As ações da empresa, que já tinham caído quase 8% na sexta-feira, despencaram 20,48% (ON) ontem e podem manter o desempenho negativo nos próximos dias. Foi, de fato, uma intervenção desastrosa, título do editorial do Estadão de hoje. Mas nada mudará, tudo sairá na urina e o cidadão perde tudo, como de hábito.

Para ouvir comentário clique no play abaixo:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Assuntos para comentário na terça-feira 23 de fevereiro de 2021

1 – Haisem – Ingerência do Planalto na Petrobrás faz valor de estatais cair 113 bilhões de reais – Esta é a manchete de primeira página da edição impressa do Estadão de hoje. Essa conseqüência da intervenção irresponsável do presidente Jair Bolsonaro na gestão da maior empresa estatal do País já era de esperar ou o surpreendeu

2 – Carolina – Internações atingem pico e Estado terá mais restrições – Este é o título de uma chamada no alto da primeira página do jornal. O alívio sentido pela população paulista com o início da vacinação há menos de dois meses ainda resiste ao impacto de notícias ruins como esta

3 – Haisem – Proposta não vincula novo auxílio a corte de despesas – Este é o título de mais uma chamada de primeira página do Estadão. Você esperava algo diferente do quarteto formado Jair Bolsonaro, Paulo Guedes, Arthur Lira e Rodrigo Pacheco ou a notícia apenas confirma o que já esperava desse tipo de gestor

4 – Carolina – Autogolpe e guerra civil, eis a questão – Este é o título do artigo que você assina no Blog do Nêumanne na edição virtual do jornal nesta manhã de terça-feira. Qual é seu tema nesta semana

5 – Haisem – Líder do governo na Câmara defende nepotismo – Este é o título de outra chamada na primeira página do Estadão de hoje. Que novidade contém a declaração pública do deputado Ricardo Barros a respeito de tema tão nefasto ao interesse público e tão antigo

6 – Carolina – Aliado ao Planalto, ministro do STJ deve atender a pedido de Flávio Bolsonaro – Este é o título de uma chamada de capa da edição virtual do jornal. Em que uma notícia como esta altera a biografia já conhecida de João Otávio de Noronha, do Superior Tribunal de Justiça

Página 4 de 843«...23456...1015202530...»
Criação de sites em recife Q.I Genial