Site oficial do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto

Podcast

Comentário no Estadão Notícias: Comunicação falha, uma ova!

Comentário no Estadão Notícias: Comunicação falha, uma ova!

Na mesma trilha do senador eleito pelo PDT do Ceará, Cid Gomes, em manifestação pró-Haddad em Fortaleza, o rapper Mano Brown surpreendeu o público presente a um ato em favor do candidato petista à Presidência da República nos Arcos da Lapa no Rio, ao criticar o erro de enfoque de comunicação da campanha, que só se dirige aos próprios militantes em vez de tentar seduzir simpatizantes de outras candidaturas para sua causa. Na verdade, o PT se dirige apenas aos seus porque ninguém mais no País suporta a narrativa inverossímil de uma patota de devotos que promoveram o maior assalto da História aos cofres da República e nem sequer pedem desculpas por isso – eis a questão. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da quinta-feira 25 de outubro de 2018.

Para ouvir clique aqui.

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

 

Comentário no Jornal Eldorado: Autoritários falando em democracia

Comentário no Jornal Eldorado: Autoritários falando em democracia

No desespero da perspectiva de uma humilhante derrota anunciada domingo que vem, Lula/Haddad do PT apela para qualquer vileza para tentar, não reverter o quadro, que parece impossível, mas reduzir o prejuízo. Para tanto inventou a lorota de que o favorito, Jair Bolsonaro, do PSL, foge do debate por covardia e que a Globo faz o jogo dele ao não fazer do debate marcado para sexta-feira uma entrevista com ele e uma cadeira vazia reservada ao adversário. A Globo não topou, o PT apelou pro TSE e este reafirmou velhos princípios democráticos do livre arbítrio, que, no popular, pode ser definido como vai quem quer e assume o prejuízo. Essa gente não aprende com os próprios erros.

(Comentário no Jornal Eldorado da Rádio Eldorado – FM 107.3 – na quinta-feira 25 de outubro de 2015, às 7h30m).

Para ouvir, clique no play abaixo.

Ou clique aqui e, em seguida, no play:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Assuntos para o comentário da quinta-feira 25 de outubro de 2018

 

1 – Haisem – Você acha justa a decisão do Tribunal Superior Eleitoral de não aceitar pedido dos advogados da chapa de Fernando Haddad, do PT, para obrigar a Rede Globo de Televisão a confirmar o debate entre os presidenciáveis marcado para amanhã e suspenso pela recusa do candidato do PSL, Jair Bolsonaro, a participar do programa?

 

2 – Carolina – Qual será a participação do próximo presidente da República, seja ele quem for, Jair Bolsonaro, do PSL, ou Fernando Haddad, do PT, na composição dos plenários dos tribunais superiores, conforme levantamento publicado pelo jornal O Globo?

 

3 – Haisem – O presidenciável Jair Bolsonaro, do PSL, tem razão em se queixar de uma bateria de ataques falsos do PT de Fernando Haddad, os quais, segundo ele, são os principais responsáveis pela queda de quatro pontos, de 18 para 14 no segundo levantamento do Ibope Estadão Globo?

 

4 – Carolina – Terá alguma chance de sucesso o pedido feito pelos advogados do candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, para suspender ações movidas pelo PT de Fernando Haddad baseadas em denúncia publicada na Folha de S.Paulo do financiamento por caixa 2 de empresas de um disparo de Whatsapps contra os petistas?

 

5 – Haisem – Terá sido sincera a reação positiva demonstrada pelo candidato do PT à Presidência da República, Fernando Haddad, à critica que o rapper Mano Brown dos MC Racionais fez, a exemplo do que foi feito antes por Ciro Gomes em Fortaleza, ao partido na campanha?

SONORA_MANO

 

6 – Carolina – O que você teria a destacar na carta do presidente Lula divulgada ontem a partir de sua cela dita “de Estado maior” em Curitiba fazendo comentários a respeito da campanha do PT nesta eleição?

 

7 – Haisem – Você se surpreendeu com a decisão do ministro Pedro Gebran Neto, relator do processo contra o ex-ministro de Lula e Dilma, do PT, Antônio Palocci, na oitava turma do Tribunal Regional Federal da quarta região em Porto Alegre, para o regime de progressão para prisão domiciliar com o uso de tornozeleira eletrônica?

 

8 – Carolina – Que novidades traz a entrevista desta semana no Blog do Nêumanne com a deputada federal mais votada da História do Brasil, a jornalista Joice Hasselmann, que teve mais de 1 milhão de votos pelo PSL de São Paulo?

 

Comentário no Estadão Notícias: Infâmia na campanha

Comentário no Estadão Notícias: Infâmia na campanha

Tenho dito reiteradas vezes em meus comentários que estas eleições gerais de 2018 são um belo exemplo de como a democracia avança no Brasil, de forma cautelosa, mas segura, sem serem conspurcadas, como muitas vezes o foram no passado. Mas hoje sou obrigado a registrar dois fatos que abalam terrivelmente o panorama pacífico e ordeiro que predomina na disputa. Refiro-me, em primeiro lugar, ao atentado contra o candidato do PSL à Presidência, Jair Bolsonaro, que quase lhe custou a vida, em Juiz de Fora (MG). E hoje ocorreu uma segunda infâmia: o vídeo pornográfico com que se tentou atingir João Doria, candidato do PSDB ao governo de São Paulo. A PF deve explicações. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde as 6 horas de quarta-feira 24 de outubro de 2018.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no player:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Politica, Estadão, clique aqui.

 

Comentário no Jornal Eldorado: Manobras inócuas contra Bolsonaro

Comentário no Jornal Eldorado: Manobras inócuas contra Bolsonaro

O dólar caiu e a Bolsa cresceu à medida que a distância confortável de mais de dez pontos porcentuais nas pesquisas confirma a vitória de Jair Bolsonaro, do PSL, sobre Lula/Haddad, do PT. Ainda é cedo para comemorar a derrota federal do PT, embora nada indique uma mudança de ânimo do eleitorado, que parece e se diz firme com os candidatos escolhidos para ocupar a Presidência. Marolinhas como as ações na Justiça Eleitoral contra a denúncia do disparo de Whatsapps antiPT e a exumação de um vídeo do deputado Eduardo Bolsonaro falando mal do STF não inverteram a curva da tendência da cidadania pelo simples motivo de que até agora os eleitores seguem firmes na negação de Lula.

(Comentário no Jornal Eldorado na Rádio Eldorado – FM 107.3 – na terça-feira 23 de outubro de 2018, às 7h30m)

Para ouvir clique no play abaixo:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Assuntos para o comentário da terça-feira 23 de outubro de 2018

 

1 – Haisem – Com a queda do dólar e a subida da bolsa o mercado de capitais comemorou efusivamente a pesquisa da CNT-MDA, que praticamente repete a diferença registrada antes por Ibope e Datafolha. Será que não é cedo demais para esse tipo de comemoração, não?

 

2 – Carolina – O encerramento de 68 páginas de apoio a Jair Bolsonaro pelo Facebookd produzirá algum efeito negativo na votação anunciada no segundo turno para o presidenciável do PSL ou será nula?

 

3 – Haisem – A piada feita pelo deputado Eduardo Bolsonaro, filho do candidato a presidente apontado como favorito nas pesquisas do segundo turno, Jair Bolsonaro, a respeito do fechamento do Supremo Tribunal Federal a ser feito por um soldado e um cabo teve a resposta merecida pelos meretíssimos senhores ministros?

SONORA_JUNGMANN 2310

 

4 – Carolina – O que levou o  ex-presidente Fernando Henrique a definir nas redes sociais como “inacreditável” o anúncio feito pelo candidato do PSL à Presidência de que baniria e mandaria prender os líderes vermelhos, referindo-se aos adversários antes comuns a eles do PT?

 

5 – Haisem – Será que a ordem dada pelo ministro Sérgio Banhos, do Tribunal Superior Eleitoral, para que a União Nacional dos Estudantes remova postagens contra a candidatura de Jair Bolsonaro à Presidência da República será cumprida?

 

6 – Carolina – Como você definiria o “voto crítico” da candidata derrotada no primeiro turno Marina Silva, da Rede Sustentabilidade, ao candidato do PT, Fernando Haddad, no segundo turno?

 

7 – Haisem – Não terá o secretário-geral do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), Estêvão Waterloo exagerado um pouco quando disse ontem que a Justiça Eleitoral está fazendo um “trabalho belíssimo” no combate à disseminação de notícias falsas nas redes sociais?

 

8 – Carolina – Terá o governador reeleito da Bahia, Rui Costa, do PT, violado mesmo a legislação eleitoral, como acusou o partido adversário DEM, por ter dado por Whatsapp instruções a prefeitos correligionários para providenciarem transporte público para evitar alto índice de abstenção na eleição de domingo?

Comentário no Estadão Notícias: Exageros à parte

Comentário no Estadão Notícias: Exageros à parte

Exageros à parte, como definir a reação do Supremo Tribunal Federal à piada do deputado federal Eduardo Bolsonaro, filho de Jair Bolsonaro, de que não precisaria de mais do que um soldado e um cabo para fechá-lo? Nada muito menos do que ridículo nem muito mais do que torpe. Afinal de contas, que moral o presidente Toffoli tem para tentar enquadrar o rapaz, que não tem contas a pagar na polícia nem na Justiça, se ele próprio nada reclamou de seu ex-chefe José Dirceu quando este, solto por ordem da Segunda Turma confirmando decisão monocrática dele próprio, mesmo tendo a cumprir 30 anos e meio de cadeia, afirmou sem medo de ser feliz que o Brasil não precisa de Judiciário. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde 6 horas da terça-feira 23 de outubro de 2018.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no player:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Politica, Estadão, clique aqui.

 

Comentário no Estadão Notícias: Sim ao fim da reeleição

Comentário no Estadão Notícias: Sim ao fim da reeleição

Ao informar que pretende acabar com o instituto da reeleição, caso vença a eleição presidencial domingo que vem, o candidato favorito, Jair Bolsonaro, tocou, afinal, nesta campanha num ponto nevrálgico das crises políticas que têm assolado a democracia brasileira nos últimos anos. Faço aqui publicamente meu mea culpa por tê-lo defendido à época em que foi introduzido na ordem institucional brasileira por iniciativa do ex-presidente tucano Fernando Henrique. A época, achei que o efeito seria contrário ao que eu de fato ocorreu, pois, em vez de permitir ao povo que pudesse manter no poder um agente público que fosse bem sucedido na gestão, terminou dando mais poder aos políticos. Este é meu comentário no Estadão Notícias, no Portal do Estadão desde as 6 horas da segunda-feira 22 de outubro de 2018.

Para ouvir clique aqui e, em seguida, no player:

Para ouvir no Blog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Página 47 de 158«...510152025...4546474849...5560657075...»
Criação de sites em recife Q.I Genial