Site oficial do escritor e jornalista José Nêumanne Pinto

Mídias

Direto ao Assunto no YouTube: Fanáticos desonram a bandeira

Direto ao Assunto no YouTube: Fanáticos desonram a bandeira

Na véspera do dia das mães, um diminuto grupo de insensatos e perversos cidadãos que se acham acima do bem e do mal por pertencerem ao reduzido rebanho cego e surdo de adoradores do ex-militar e político do baixo clero se reuniram em Brasília para cuspir em túmulos de mais de dez mil brasileiros que cometeram o crime de enlutar suas famílias morrendo na crise sanitária que assola todo o planeta porque o Mito de ouro que veneram dedique tempo que deveria ser dedicado ao expediente de governar a Nação, que não o elegeu presidente da República para atuar como animador de reduzidos auditórios instalados à frente da residência oficial que ocupa provisoriamente em desqualificar a “histeria” de quem se assusta com uma “gripezinha” que está levando ao colapso o sistema de saúde público e privado do País. Os vândalos chegaram a vaiar a bandeira a meio mastro pelo luto decretado pela Câmara, embora, empunhassem eles mesmos idêntico pavilhão. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver o vídeo no YouTube clique no link abaixo:

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

Direto ao Assunto no YouTube: O churrasco fake de Bolsonaro

Direto ao Assunto no YouTube: O churrasco fake de Bolsonaro

O presidente Jair Bolsonaro resolveu dar um churrasco para 30 pessoas para comemorar o aniversário do filho nota zero 1 Flávio no sábado 9, logo depois do anúncio de mais um recorde de número de mortos por covid-19 no Brasil, cruzando a casa dos 10 mil no total. A notícia pegou tão mal que até os mais fanáticos entre seus próximos aconselhou-o a cancelar. Aí, então, ele partiu para galhofa e a cada contato com a imprensa aumentava o número de participantes até anunciar que não haveria churrasco nenhum, era mais uma fake da extrema imprensa. A pegadinha foi pior do que a refeição e a pecha de “idiotas” que usou para definir os repórteres que a anunciaram caiu como uma luva em sua mão nua de quem encasquetou que é preciso acelerar o contágio da pandemia para evitar o colapso da economia. A ideia foi tão ruim que o comício golpista de bolsonaristas contra STF e Congresso em Brasília, autorizada pelo STF, foi a manifestação menos concorrida de todos os tempos e por todos os motivos. Como troféu ele ficou com a imagem do corrupto alcaguete Roberto Jefferson, armado de fuzil, para o golpe. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará. 

Para ver vídeo no YouTube clique no link abaixo:

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

Comentário no Jornal da Gazeta: Reações a autogolpe são pífias

Comentário no Jornal da Gazeta: Reações a autogolpe são pífias

Dois comícios golpistas, indiferença sobre agressões a manifestantes contra e jornalistas trabalhando e invasão imprópria do gabinete do presidente do STF são evidências de que o presidente Jair Bolsonaro pretende dar um autogolpe. Instituições ameaçadas de intervenção nelas por bolsonaristas, contudo, não têm enfrentado reações capazes de detê-las do Congresso ou do Judiciário.

Para ver comentário no Jornal da Gazeta da sexta-feira 8 de maio de 2020, às 19 horas, clique no link abaixo:

Para ver no Blog do Nêumanne, Politica, Estadão, clique aqui.

Direto ao Assunto no YouTube: Bolsonaro desafia democracia

Direto ao Assunto no YouTube: Bolsonaro desafia democracia

Ao aderir a dois atos exigindo “intervenção militar com Bolsonaro”, com Ato 5 para fechar Congresso e STF, e não condenar agressões a profissionais de saúde em protesto silencioso e jornalistas que faziam no exercício da profissão, o presidente Jair Bolsonaro dirimiu dúvidas de que se dispõe a, no mínimo, limitar o exercício da autonomia garantida pela Constituição de instituições. que podem impor limites ao poder presidencial. Ao liderar a marcha sobre o STF para pressionar seu amigo Dias Toffoli a ceder a seu capricho contra isolamento social para conter velocidade do contágio da covid-19 num momento crítico de aumento de número de casos e de óbitos, avançou além de qualquer limite sem que nenhum dos ditos guardiões do Estado de Direito tenha impedido sua invasão, como disse que faria o desembargador Walter Maierovitch a respeito da inércia covarde desses frouxos. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará.

Para ver vídeo no YouTube clique no play abaixo:

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

Direto ao Assunto no YouTube: Marcha de Bolsonaro ao STF

Direto ao Assunto no YouTube: Marcha de Bolsonaro ao STF

O presidente Jair Bolsonaro recebeu um grupo de presidentes de associações de classe de barões da indústria que foram ao Planalto pressioná-lo para fazer o que não pode: flexibilizar a volta ao trabalho para salvar o setor e a economia do desastre antes de passar a pandemia. Resolveu, então, encenar, gravar imagens e sons para transmitir ao vivo em suas redes sociais uma inédita marcha a pé de todos à sede do STF para transferir a pressão para o Judiciário. Uma molecagem, é claro! Ele sabe que o STF já avisou que, pela Constituição, que está acima dele no Estado de Direito, consagra como líquido e certo o direito de governadores e prefeitos de decretarem, ou não, isolamento social, quarentena ou até lockdown. Toffoli recebeu o bando de insensíveis, que nem sequer citaram o recorde de número de óbitos por causa da cofid-19 ontem, e devolveu a bola para o intrometido: a tarefa de juntar Poderes e, entes federativos (União, Estados e municípios) é dele. Cabe-lhe reunir e harmonizar para coordenar a salvação de vidas humanas. Direto ao assunto. Inté. E só a verdade nos salvará. 

Para ver vídeo no YouTube clique no play abaixo:

 

DIRETO AO ASSUNTO NA REDE

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

Clique nestes links:

Twitter, Youtube, FaceBook, Instagram

 

Comentário no Jornal da Gazeta: Bolsonaro agride instituições omissas

Comentário no Jornal da Gazeta: Bolsonaro agride instituições omissas

O presidente Jair Bolsonaro não tem papas na língua e diz cobras e lagartos das instituições ditas democráticas como se estivesse em boteco pé de chinelo e assim avança rumo ao autogolpe sem freios. Enquanto isso, as ditas instituições, que deveriam proteger o Estado de Direito, ficam à mercê de sua língua de trapo, pois seus usuários, como Dias Toffoli, se acovardam sem dar nome ao boi.

Para ver comentário no Jornal da Gazeta na quarta-feira 6 de maio de 2020, às 19 horas clique no link abaixo:

Para ver noBlog do Nêumanne, Política, Estadão, clique aqui.

Página 4 de 153«...23456...1015202530...»
Criação de sites em recife Q.I Genial